O programa “Direto ao Ponto”, da Jovem Pan, entrevista nesta segunda-feira, 20, a partir das 21h30, o ator Mario Frias, atual secretário especial de Cultura do governo Bolsonaro. Conhecido pelo papel do jovem Rodrigo na novela teen global “Malhação”, entre 1999 e 2001, Frias também estrelou “O Quintos dos Infernos”, “Senhora do Destino” e “Os Mutantes”, esta na Record. Alinhado ao presidente, ao contrário da maioria da classe artística brasileira, ele foi escolhido para substituir Regina Duarte na secretaria em junho do ano passado. Em sua gestão, Mario Frias tem se notabilizado por tentar deixar a Lei Rouanet mais rígida e fomentar mostras, exposições e obras culturais que valorizem o patriotismo. Ele também se tornou feroz combatente do projeto de lei batizado de Paulo Gustavo, que prevê ações emergenciais de auxílio à cultura em meio à pandemia. “É um absurdo que transformará o governo federal num caixa eletrônico de saque compulsório. Essa lei destinará anualmente R$ 4 bilhões de para Estados decidirem o destino desse recurso. Sou radicalmente contra”, manifestou-se. Essa linha de pensamento colocou o ator em rota de colisão com a categoria. No último dia 16, Sergio Marone reclamou que Frias deixará “um monte de ex-colega passando fome”. “Vou deixar de criar um curso profissionalizante, que capacita jovens de baixa renda, para dar dinheiro para ex-colega famoso. Vai esperando”, respondeu o secretário. A bancada do apresentador Augusto Nunes terá Bruno Meyer, escritor e jornalista, Adrilles Jorge, escritor, jornalista, comentarista da Jovem Pan e colunista do site da Jovem PanDagomir Marquezi, repórter especial da “Revista Oeste”, e Sylvio Rocha, documentarista e professor de cinema.

Acompanhe ao vivo:

Esta será a 50ª edição do “Direto ao Ponto”, contando entrevistas ao vivo, programas especiais e reprises. Na última semana, a atração semanal da Jovem Pan promoveu um debate sobre o terrorismo e os 20 anos do 11 de Setembro. “As ameaças agora são outras: os terrorismos cibernéticos, ataques aos satélites de comunicação, drogas … Hoje o terrorismo perdeu o espaço que tinha e, por isso. Biden ficou à vontade para dizer: ‘Acabou a era da invasão militar’”, comentou Rubens Barbosa, ex-embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Diversas personalidades já passaram pelo programa, como o vice-presidente Hamilton Mourão, o governador de São Paulo, João Doria, o ministro da Infraestrutura, Tarício Gomes de Freitas, o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, entre outros. A atração vai ao ar todas as segundas-feiras, das 21h30 às 23h.