“Direto ao Ponto” exibirá nesta segunda-feira, 13, a edição especial “O 11 de setembro: 20 anos depois”. A atração será apresentada por Augusto Nunes e terá as participações de Rubens Barbosa, que era o diplomata na embaixada brasileira em Washington na época do atentado, Arlene Clemesha, professora de história árabe da Universidade de São Paulo (USP), Carlos Gustavo Poggio, doutor em relações internacionais, e Jorge Mortean, geógrafo e mestre em estudos regionais do Oriente Médio pela Academia Diplomática Iraniana. Eles discutirão o retorno do Talibã ao poder no Afeganistão justamente no aniversário de 20 anos do maior ataque terrorista aos Estados Unidos.

Esta é a segunda vez que o “Direto Ao Ponto” exibe uma edição de debates, sem um convidado central. No último dia 9 de agosto, o youtuber Allan dos Santos e os jornalistas Guilherme FiuzaLeda Nagle e Paulo Eneas participaram de um programa temático sobre liberdade de expressão. Nomes relevantes de setores diversos, como política, cultura, saúde e esporte, já passaram pela bancada. A entrevista inaugural foi com o vice-presidente da República, Hamilton Mourão. Também já estiveram na sabatina da Jovem Pan o governador de São Paulo, João Doria, o ex-deputado federal e presidente do PTB, Roberto Jefferson, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, o filósofo Luiz Felipe Pondé, o empresário Luciano Hang e o pentacampeão mundial Vampeta. No último dia 30, o convidado foi Ives Gandra, que criticou algumas ações do Supremo Tribunal Federal (STF). “Acho que estão trabalhando como ativismo judicial que não se justifica”, falou o jurista.