O quadro de saúde de Pelé causou algumas dúvidas nesta sexta-feira, 17. O ex-jogador de 80 anos está internado no Hospital Albert Eistein, em São Paulo, desde o dia 6 de setembro, quando se submeteu a uma cirurgia de retirada de tumor no cólon. Depois de sair da UTI, Pelé precisou retornar aos cuidados de terapia intensiva na madrugada desta sexta por apresentar ‘instabilidade respiratória’. Segundo boletim médico divulgado ao final da tarde, o Hospital informou que Pelé foi transferido, mas o quadro foi estabilizado e ele passou para ‘cuidados semi-intensivos’. Nas redes sociais, a filha do Rei, Kely Nascimento, tranquilizou os fãs e afirmou que o pai está bem e fora de perigo.

Confira abaixo a íntegra do Boletim Médico:

“Edson Arantes do Nascimento apresentou breve instabilidade respiratória na madrugada de 17 de setembro, e como medida preventiva, foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Após estabilização do quadro, o paciente passou para cuidados semi-intensivos. Ele encontra-se, neste momento, estável do ponto de vista cardiovascular e respiratório, e segue em recuperação de pós-operatório abdominal”