Os maiores desafios do empreendedorismo jurídico

0
48
José Pedro Said Júnior
José Pedro Said Júnior

Independente do estágio em que se encontra na carreira jurídica, todo advogado que possui o objetivo de empreender se depara com diversas dúvidas e desafios. O advogado criminalista José Pedro Said Júnior – atuando a cerca de 30 anos com seu escritório de advocacia – comenta que muitas das problemáticas do advogado empreendedor estão voltadas a sua insuficiência de conhecimentos na área administrativa.

O advogado criminalista José Pedro Said Júnior comenta que isso significa que os profissionais adentram o mercado com conhecimento técnico jurídico, mas não possuem informações suficientes para comandar um negócio de maneira eficaz e rentável. Mesmo que o escritório de advocacia tenha diferenciais dos demais empreendimentos, é fundamental contar com ferramentas e técnicas utilizadas por empreendedores para alcançar seu sucesso e estabilidade.

Assim, o advogado criminalista José Pedro Said Júnior lista os principais desafios do empreendedorismo jurídico para quem está iniciando no mercado.

  1. Conhecer o mercado 

De acordo com o advogado criminalista José Pedro Said Júnior, o primeiro desafio da jornada é o conhecimento do mercado de advocacia. Apesar de terem conhecimento técnico da área, poucos são os que detêm informações fundamentais sobre o mercado de atuação. Assim, com um mercado extremamente competitivo, é fundamental estudá-lo e elaborar um bom plano estratégico para conhecer seu funcionamento, o modo como irá atuar nele e alcançar sucesso.

  1. Definir o segmento de atuação

Após conhecer o mercado, é preciso escolher o eixo de atuação que seu escritório irá trabalhar. Para o advogado criminalista José Pedro Said Júnior, a decisão deve tomar alguns princípios como base: deve-se levar em conta os ramos que estão se destacando na atualidade, qual a oferta e procura nos segmentos de Direito e, principalmente, quais são as demandas e condições locais em que irá atuar.

  1. Elaborar o plano de negócios

A abertura de qualquer empreendimento exige do profissional um bom planejamento. Para isso, o advogado criminalista José Pedro Said Júnior esclarece que é fundamental contar com a ferramenta de plano de negócios, pois essa auxilia estrategicamente o advogado. Um bom plano de negócios irá levantar questões como potenciais parceiros, possibilidades de atuação jurídica, na elaboração de metas e objetivos a curto, médio e longo prazo, além de ser essencial para avaliar quais são os recursos disponíveis para investir no negócio, com intuito de otimizar as finanças para priorizar o capital de giro até conquistar uma carteira de clientes considerável. 

  1. Saber usar a tecnologia

Um dos grandes desafios do advogado empreendedor é conseguir ser produtivo e, ao mesmo tempo, realizar as diversas tarefas da agenda de seu escritório. O advogado criminalista José Pedro Said Júnior ressalta que conseguir gerenciar os processos, atender os clientes, entregar serviços de qualidade, administrar e cuidar das finanças não é uma tarefa simples e, por isso, o advogado de sucesso sabe que, para lidar com todos os compromissos, é fundamental contar com os recursos tecnológicos. Ferramentas como o software jurídico são essenciais ao escritório, pois facilitam na organização e administração de todas as tarefas.

  1. Reter e conquistar clientes

Por fim, o último desafio de um escritório de advocacia que está iniciando é o de prospectar clientes. Para isso, o advogado criminalista José Pedro Said Júnior comenta que é fundamental que o advogado estabeleça algumas estratégias como honorários competitivos, mas que não desvalorizem seu serviço, investir em marketing jurídico digital e, principalmente, fechar parcerias com colegas de ramos complementares para que haja uma troca benéfica de possǘieis clientes para ambos. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here