PRÓ São Paulo pretende orientar retomada econômica no pós-pandemia, com 8 mil obras para geração de 200 mil empregos. Maior parte das obras é na área dos transportes. Foto de arquivo mostra obra da Linha 6-Laranja do Metrô de São Paulo
TV Globo/Reprodução
O governador João Doria (PSDB) lançou nesta quarta-feira (15) um programa de obras para o estado de São Paulo com investimento de R$ 47,5 bilhões para o último ano de gestão.
O PRÓ São Paulo foi apresentado pelo governo do estado como um programa para a retomada econômica no pós-pandemia, contemplando 8 mil obras para geração de 200 mil empregos até o final de 2022.
Entre as obras previstas estão:
retomada das obras da Linha 6-Laranja do Metrô para conexão da Freguesia do Ó ao Centro;
Extensão da Linha 2-Verde do Metrô para conexão da Vila Prudente à Penha;
Extensão da Linha 9-Esmeralda da CPTM até Varginha;
Investimento na Rodovia dos Tamoios por uma nova ligação com o litoral norte;
Programa Novo Rio Pinheiros de despoluição e saneamento básico;
Conclusão das barragens Duas Pontes e Pedreira, além de novas barragens em Salto e Piracicaba.
“Isso é fazer política pública e política social – gerar oportunidades para que os municípios prosperem, se desenvolvam, tenham o estado ao lado, com geração de emprego em um país com 30 milhões de pessoas desempregadas. São Paulo está dando exemplo para o Brasil. E amanha poderá ser o Brasil que dá certo”, disse Doria nesta manhã, durante o anúncio do programa no Palácio dos Bandeirantes.