Mulher, de 21 anos, estava no Conjunto Habitacional Ana Jacinta quando viu ele se masturbar. Ocorrência foi registrada nesta quinta-feira (12). Caso foi registrado na Delegacia Participativa da Polícia Civil em Presidente Prudente
Stephanie Fonseca/G1
Uma mulher, de 21 anos, foi vítima de importunação sexual na tarde desta quinta-feira (12), no Conjunto Habitacional Ana Jacinta, em Presidente Prudente (SP). De acordo com o Boletim de Ocorrência, ela estava em um ponto de ônibus quando um homem, de 28 anos, começou a se masturbar, por volta das 14h. O autor foi preso em flagrante.
A mulher contou que estava no ponto de ônibus quando o homem chegou, encostou do seu lado esquerdo e começou a mexer no órgão genital. Ela disse que desconsiderou tal atitude e em seguida, quando olhou novamente para o homem, ele estava com o órgão genital para fora da roupa e se masturbando em direção dela.
A vítima ainda contou que quando o homem chegou no local, entrou no banheiro e depois saiu. A princípio, a mulher contou que o suspeito pediu dinheiro e ela não deu atenção. A vítima disse que percebeu que o homem estava a observando e mexendo em seu próprio órgão genital. Ela falou que achou que ele estava se coçando, por isso desviou o olhar, mas depois percebeu que ele continuou olhando e constatou que ele estava com o órgão genital para fora e se masturbando em direção dela.
Conforme o boletim, a vítima ficou com medo, saiu do ponto de ônibus e foi em direção ao Caps, mas o autor a seguiu e continuou se masturbando. A mulher pediu socorro e nesse momento o autor fugiu.
A mulher chamou a polícia e passou as características do suspeito. Informou que ele era moreno, cabeludo, barbudo e estava com roupa preta.
Segundo a ocorrência, os policiais realizaram patrulhamento na direção indicada pela vítima e foram informados por um popular quem seria o autor.
O suspeito foi abordado e nada de ilícito foi encontrado com ele. A vítima foi até o local da abordagem e reconheceu o autor “com absoluta certeza”.
O homem foi questionado sobre os fatos e nada declarou. De acordo com a Polícia Civil, o autor aparenta ser “pessoa drogada”. Ele foi preso em flagrante.
A Polícia Civil ainda informou que o homem foi preso pelo mesmo crime no mês passado. A ocorrência foi registrada na Delegacia Participativa da Polícia Civil.
VÍDEOS: Tudo sobre a região de Presidente Prudente
Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.