Vítima de 33 anos fazia voo na zona rural de Marília (SP) quando teria sido atingida por rajada de vento e jogada contra árvore; piloto ficou pendurado. Segundo bombeiros, ele foi socorrido com suspeita de lesão na coluna. Após resgaste, parapente ficou próximo à arvore onde o piloto ficou enroscado após a queda, na zona rural de Marília
Norton Emerson/Jornal da Manhã/Divulgação
Um homem de 33 anos caiu de parapente na tarde desta terça-feira (24) em uma área de serra existente próximo à Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros (SP-333), nas imediações de um clube de campo, na zona rural de Marília (SP).
Segundo os bombeiros, o piloto do parapente estava sobrevoando a área rural da cidade quando foi atingido por uma forte rajada de vento que fez com que perdesse o controle.
A vítima foi jogada contra uma árvore e ficou pendurada pelos galhos, conseguindo pedir socorro por celular para o Corpo de Bombeiros.
A equipe foi até o local e fez o resgate da vítima. Ainda segundo os bombeiros, o homem possuía várias fraturas, com suspeita de lesão na coluna.
Uma viatura de Suporte Avançado da concessionária que administra a rodovia fez o transporte da vítima para o Hospital das Clínicas de Marília. O estado de saúde do piloto não foi informado.
Veja mais notícias da região no G1 Bauru e Marília
Veja mais notícias do centro-oeste paulista: