Segundo a Polícia Civil, agressões teriam acontecido na casa da família após uma briga durante um evento. Caso é tratado, inicialmente, como legítima defesa. Polícia ainda apura detalhes do crime. Caso foi registrado na delegacia de Campos do Jordão
Vanessa Vantine/TV Vanguarda
Um jovem de 25 anos matou o avô a facadas nesta segunda-feira (23) em Campos do Jordão (SP). De acordo com a polícia, ele reagiu com golpes de faca depois que sua mãe foi agredida pelo avô durante uma confusão. Ele fugiu após o crime.
O caso aconteceu por volta das 22h, quando a família fazia uma festa no bairro Vila Nadir. Segundo testemunhas, o avô de 68 anos teria começado uma discussão com o genro, marido de sua filha. A família passou a brigar e, durante a confusão, o avô teria partido para cima da filha e começado as agressões.
Em resposta, o neto pegou uma faca e golpeou o o avô. Após a facada, a família acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que socorreu o homem até o pronto-socorro, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
A polícia informou que ouviu testemunhas que estavam no local e todas contam a versão de que havia uma confusão e que o neto teria agido em legítima defesa, na tentativa de parar as agressões.
Apesar disso, após a agredir o avô a facadas, ele fugiu do local levando a faca. A polícia faz buscas pelo jovem, mas até a manhã desta terça-feira (24) ele não havia sido encontrado.
De acordo com a investigação, o jovem não tem passagem pela polícia. O caso, inicialmente, está sendo tratado como legítima defesa, mas a polícia ainda espera ouvir o jovem para ter mais detalhes sobre o caso.
Veja mais notícias do Vale do Paraíba e Região