Em três dias, Secretaria Municipal de Saúde registrou 267 novas infecções e um óbito. UTIs têm 12 leitos a menos e taxa de ocupação está em 46,61%. Reprodução em 3D do modelo do novo coronavírus (Sars-CoV-2)
Reprodução/Visual Science
Ribeirão Preto (SP) chegou a 33.063 casos de Covid-19 e 882 mortes por complicações da doença ao registrar 267 novas infecções e um óbito entre sexta-feira (20) e segunda-feira (23), aponta boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde.
A nova morte é de uma mulher de 45 anos, que estava internada em um hospital particular da cidade, e tinha histórico de doença cardiovascular crônica. O óbito foi registrado no dia 19 de novembro.
Pouco mais de oito meses após a primeira confirmação da doença no município, Ribeirão contabiliza 77.098 notificações do novo coronavírus. Dessas, 43.276 já foram descartadas em exames. Há, ainda, 759 pessoas aguardando o laudo dos testes.
Dentre as confirmações, 30.194 apresentaram sintomas de gripe. Outros 2.869 foram diagnosticados com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).
Hospitais
De acordo com o site leitoscovid.org, que monitora a ocupação de pacientes nos hospitais em tempo real, há 55 pessoas internadas em estado grave nos 118 leitos de Unidade de Terapia de Intensiva (UTI) – taxa de 46,61%.
Nesta segunda-feira, são 12 vagas a menos na comparação com sexta-feira (20). O G1 aguarda posicionamento da Secretaria de Saúde em relação ao fechamento das vagas.
Na enfermaria, o índice é de 35,85%, com 57 pacientes nas 159 vagas disponíveis para tratamento.
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca