Jean Gorinchteyn visitou uma universidade na região e preferiu não comentar a entrega a menor de vacinas contra a Covid-19 pelo Ministério da Saúde ao estado de SP. Secretário de Estado da Saúde comenta a queda nos indicadores da pandemia em SP
Com a queda nos principais indicadores da pandemia no Alto Tietê, o secretário de estado da Saúde, Jean Gorinchteyn avaliou em visita a uma universidade de Mogi das Cruzes que essa redução está ligada à vacinação contra a Covid-19, bem como a manutenção de medidas sanitárias, como o uso de máscara.
O titular da pasta da Saúde no estado pontuou ainda que essas medidas estão impactando também na redução da gravidade dos pacientes que precisam ser internados por conta da doença.
“Nós temos hoje na Grande SP 42% de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva e 45% em todo o estado. São atualmente 4,4 mil internados em todo o estado. Número bem abaixo do que vimos, por exemplo, na primeira onda que aconteceu em julho do ano passado. Portanto, a vacina é resultante dessas situações”, detalhou.
No Alto Tietê, cerca de 55% da população foi imunizada com ao menos a primeira dose da vacina e pouco mais de 20% com as duas doses ou dose única. Gorinchteyn ressaltou que mais de 41 milhões de pessoas tomaram ao menos a primeira dose, o que corresponde a 85% da população-alvo de adultos e 65% de toda a população e 25% com as duas doses.
“É importante que as pessoas procurem os postos, principalmente aquelas que deveriam ter tomado a segunda dose e não fizeram, para que estejam devidamente imunizados”, disse.
Em relação ao envio de doses pelo Ministério da Saúde, o secretário disse que o estado espera ter o Dia da Esperança em 16 de agosto, em que todos os adultos estejam vacinados ao menos com a primeira dose.
“A partir do dia 18 nós iniciamos a vacinação dos adolescentes de 12 a 17 anos, começando por aqueles que têm comorbidades ou síndromes. Mas, para isso, precisamos de doses. Nós ficamos com um quantitativo a menor de 228 mil doses e amanhã, na coletiva com o governador João Doria, será discutido este assunto com a imprensa”, disse.
Assista a mais notícias do Alto Tietê